6 de março de 2015

Charge - Chocante

As teorias sobre o acidente de Alonso e suas consequências, circulam a rodo pela web. Dizem até que o espanhol estaria cogitando abandonar a categoria. Pois é...

Bobagens a parte, sigamos com o primoroso trabalho do Bruno Mantovani  que conseguiu captar com perfeição, o momento do suposto choque sofrido pelo piloto espanhol em Barcelona. Mantovani mais uma vez, matou a pau!

By: Pilootons

5 de março de 2015

GTB

A Casa de Maranello apresentou em Genebra, a sua mais nova estrela. A Ferrari 488 GTB. A novíssima rossa é a mais recente representante da dinastia GTB (Gran Turismo Berlinetta).

Designação essa, que remete para a lendária 308 GTB, produzida entre 1975 e 1988.  Para quem não lembra ou não era nascido, a Ferrari 308 GTB era o carro utilizado pelo protagonista da série Magnum

O brinquedinho em questão, equipado com motor V8 com sete marchas, é capaz de desenvolver 670 cv de potência e vai de zero a 100 km/h em inacreditáveis 3 segundos. Segundo a fabricante, a velocidade máxima é de 300 km/h. Um verdadeiro foguete, diga-se.


4 de março de 2015

De volta as pistas

Nelson Piquet vai voltar a correr...

O tricampeão retornará as pistas na categoria Porsche Cup. O regresso acontecerá no próximo sabádo, dia 7, em Curitiba. A prova na capital paranaense abre a temporada 2015 da categoria.

Segundo informações, Piquet pretende disputar todo o campeonato. No entanto sua participação no restante do certame ainda não é certa. De qualquer modo, o brasileiro planeja estar presente no maior número possível de etapas.

A última vez que Nelson Piquet disputou uma corrida foi em 2006, quando participou das Mil Milhas de Interlagos e venceu a prova. Na ocasião, o veterano piloto formou o quarteto vencedor com Helio Castroneves, Jean-Christophe e o filho Nelsinho.

3 de março de 2015

Lançamentos 2015 - Red Bull RB11

A equipe rubro-taurina revelou seu fardamento para a temporada 2015. Como não poderia deixar de ser, o novo modelo aparece com o tradicional layout, mas dessa vez com um pouco mais de roxo e algumas pequenas mudanças no grafismo...


2 de março de 2015

Calendário Pilotoons F-1 2015

De olho na temporada que se aproxima, o glorioso Bruno Mantovani disponibilizou o primeiro calendário do ano, com as duas provas que acontecerão em março.

                  Clique na imagem para ampliar e depois salve como papel de parede.

By: Pilotoons

28 de fevereiro de 2015

Volvo Ocean Race - Leg 4

Reprodução: Portal O Sol Diário
Única equipe com brasileiro a bordo, Mapfre vence quarta etapa da Volvo Ocean Race  Xaume Olleros/Getty Images AsiaPac


A equipe espanhola Mapfre conquistou de maneira emocionante a quarta etapa daVolvo Ocean Race, disputada entre a China e a Nova Zelândia. O barco — único a levar um integrante brasileiro na competição — cruzou a linha de chegada em primeiro neste sábado pela manhã após quase 21 dias de navegação. A diferença para o segundo colocado, o Abu Dhabi, e para o terceiro, o Dongfeng, foi de apenas oito minutos, num trajeto de 9,7 mil quilômetros.
O resultado marca a evolução da equipe do brasileiro e catarinense André 'Bochecha' Fonseca na Volta ao Mundo, depois de amargar a última posição na primeira perna e dois quarto lugares nas seguintes.
Foi fabuloso chegar a Auckland, uma das capitais mundiais da vela. Foi tudo perfeito. Um dia especial. Esperamos agora fazer igual agora no Brasil, na próxima etapa até Itajaí — disse Bochecha.
A quarta etapa foi marcada por trocas constantes de posições desde a saída de Sanya até a aproximação à Cidade das Velas, mais conhecida como Auckland. Antes da entrada no Oceano Pacífico, duas equipes — Team SCA e Team Brunel — optaram por uma estratégia mais ao Norte. O Mapfre ficou mais ao Sul no bloco dos líderes, mas acabou perdendo contato em alguns momentos.
As últimas milhas foram bastante cansativas, com os barcos próximos e rápidos. Mas nossa equipe fez um trabalho importante e saímos com a vitória. Foi demais — falou o brasileiro.

Foto: Xaume Olleros/Divulgação
A equipe espanhola também teve um problema no aparelho que transmite os dados para a central. Eles ficaram quase quatro dias sem receber informações meteorológicas e sem abastecer fotos e vídeos, ou seja, velejando às cegas. Além desse problema, os ibéricos relataram furos no convés e seu tripulante Willy Altadill teve a mão quebrada.
Estamos super felizes de estar aqui em Auckland. Foi uma perna muito difícil e disputada do começo ao fim. Tivemos um dia muito duro nos quilômetros finais — disse o campeão olímpico Xabi Fernández, que comandou o barco no lugar do titular Iker Martínez.
O Mapfre conseguiu chegar à frente definitivamente a menos de 24 horas antes do fim, graças ao bom trabalho de seu navegador Jean Luc Nélias. O velejador decidiu se separar da costa para chegar a Nova Zelândia. Isso permitiu o avanço barco na calmaria da entrada neozelandesa.
Classificação
Com o término da etapa, que teve Alvimedica, Brunel e SCA, em quarta, quinto e sextos lugares, respectivamente, a classificação ficou assim:
1º Abu Dhabi Ocean Racing - 8 pontos
2º Dongfeng - 8
3º Brunel - 14
4º Mapfre - 16
5º Alvimedica - 16
6º SCA - 24
 Vestas Wind - 28
*Quem tiver o menor número de pontos vence. Isto porque a pontuação corresponde à ordem de chegada. Quem chega em 1º lugar recebe um ponto e quem chega em 6º, seis.
Eles estão chegando


A parada em Auckland é a última antes da largada das equipes rumo a Itajaí, em 15 de março. A Vila da Regata na cidade abre dia 3 de abril, quando é possível que os primeiros veleiros comecem a chegar. O trajeto da Nova Zelândia ao Brasil é considerado o mais difícil em função da travessia do Cabo Horn, conhecido pelos fortes ventos.